Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2010

HINO DE PERNAMBUCO

Composição: Oscar Brandão da Rocha

Coração do Brasil! em teu seio
Corre sangue de heróis - rubro veio
Que há de sempre o valor traduzir
És a fonte da vida e da história
Desse povo coberto de glória,
O primeiro, talvez, no porvir. REFRÃO
"Salve! Ó terra dos altos coqueiros!
De belezas soberbo estendal!
Nova Roma de bravos guerreiros
Pernambuco, imortal! Imortal!" Esses montes e vales e rios,
Proclamando o valor de teus brios,
Reproduzem batalhas cruéis.
No presente és a guarda avançada,
Sentinela indormida e sagrada
Que defende da Pátria os lauréis. REFRÃO Do futuro és a crença, a esperança,
Desse povo que altivo descansa
Como o atleta depois de lutar...
No passado o teu nome era um mito,
Era o sol a brilhar no infinito
Era a glória na terra a brilhar! REFRÃO A República é filha de Olinda,
Alva estrela que fulge e não finda
De esplender com seus raios de luz.
Liberdade! Um teu filho proclama!
Dos escravos o peito se inflama
Ante o Sol dessa terra da Cruz!&quo…

AMOR DE DEUS

"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu Filho Unigênito, para que todo aquele que nEle crÊ,não pereça, mas tenha a vida eterna" João 3.16








Aqueles que conhecem o grande e terno coração de Jeová, certamente serão levados a negar seus próprios amores, para participar da expressão do Seu amor! (Jim Elliot)

EDUCAÇÃO ÓBVIA

Educação óbvia
Escolhi a sombra desta árvore para repousar do muito que farei, enquanto esperarei por ti. quem espera na pura espera vive um tempo de espera vã. Por isto, enquanto te espero Trabalharei os campos e Conversarei com os homens Suarei meu corpo, que o sol queimará; minhas mãos ficarão calejadas; meus pés aprenderão o mistério dos caminhos; meus ouvidos ouvirás mais; meus olhos verás o que antes não viam, enquanto esperarei por ti. Não te esperarei na pura espera porque o meu tempo de espera é um tempo de que fazer. desconfiarei daqueles que visão ouvir-me: em voz baixa e precavidos: É preciso agir É preciso falar É preciso andar É preciso esperar, na forma em que esperas, porque esses recusam a alegria de tua chegada. desconfiarei também daqueles que visão dizer-me, com palavras fáceis, que já chegaste, porque esses, ao anunciar-te ingenuamente, antes te denunciam. Estarei preparando a tua chegada como o jardineiro prepara o jardim para a ro…

O HOMEM

Instinto animal, faz o homem ficar ao lado de si mesmo, em seus espelhos olham a face do divino, seres bailarinos, das pontes,dos guetos. Homens e seus ideais, suas mudanças seus nevoeiros. Um ponto de interrogação, o sangue que suspira de medo. Os suicidas, os altruístas, os assassinos e oportunistas. Mentes brilhantes, faiscantes, o ser das composições errantes, marcantes. O egoísta simpático, talentoso, mentiroso. Psicopata, homem primata, o homem que não sabe amar. O medo do ausente, do desconhecido. O homem que nasce o homem que cria, o símbolo maior da racionalidade. A imagem distorcida, o animal carnal de espírito carente. O inocente que se sente forte, a fortaleza de sua própria incapacidade. Vaidades de seu próprio eu, um homem, um Zeus, um mar de desigualdades. O homem fechado para seus interesses, para suas agonias. A estrela uivante, o leão de boca fechada, a espada de guerreiros mortos.             O homem vai nascendo, mas não se torna humano, o e…