Felicidade


Não se adivinha com quem seremos felizes. Nós conhecemos no outro a nossa felicidade;
Ela é traduzida no sorriso de canto com os olhos fechadinhos; Naqueles abraços que nos curam e nos fazem recobrar que vale a pena viver.
Hoje me vejo muito feliz! Acordo do lado de quem me dá felicidade. E digo: amo, amo tudo! Nossos papos, nosso jeito de se entender. Cada detalhe, cada carinho e todos os esforços em prol da nossa felicidade.

Por vezes no meditar da vida me pego sorrindo à toa. Então noto que estou mais solto, mais alegre, mais vivo. E, principalmente percebo que não estou mais só, tenho minha Eva. Aí fico a sorrir mais ainda.
Tenho tanto prazer em agradá-la. Cada vez que a vejo contente, minha felicidade transborda.
Gosto por demais quando seus olhos sorriem e seus sorrisos iluminam.
Confesso que não sei se tem, mas caso tenha quero ultrapassar todos os limites da felicidade ao seu lado.  Com direito a tudo! A flores, muito carinho, música, aconchegos,luz, paz, muitos beijinhos, chocolates, cheirinhos, muitas cores, abraços, sorrisos, muitos sorrisos. 

Joaquim Queiroz

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas