Passe pelos obstáculos de maneira eficiente e suave


Em vez de você ficar se debatendo para resolver os problemas que acontecem durante um dia de trabalho, encare cada questão como um quebra-molas. Um quebra-molas é aquela pequena lombada numa estrada, feita para chamar a sua atenção e reduzir a velocidade. Dependendo de como nos aproximamos e lidamos com a lombada, podemos ter uma experiência desagradável, desconfortável e até mesmo danosa. Ou você pode fazer simplesmente uma desaceleração temporária e passar suavemente pela lombada... E mais nada.


  Agora, se você pisar no acelerador e se agarrar ao volante, vai atingir o quebra-molas com uma trombada. Seu carro e até você podem se machucar. Os problemas podem ser encarados sob um ponto de vista semelhante: podemos ficar irritados com eles, reclamar com outras pessoas e aumentar a questão. Se você pensa nos problemas como um quebra-molas, eles passam a ser muito diferentes. Ao perceber a questão, você desacelera, amortece o choque, fazendo com que o problema seja menos significativo. Então, calmamente, você toma a decisão que tenha maior probabilidade de fazer com que você passe pelo obstáculo de uma maneira mais eficiente e suave. Pense bem, não há lógica em entrar em pânico e tratar cada problema como se fosse um grande desastre.
Use a metáfora do quebra-molas para enfrentar os problemas no seu dia-a-dia.
(Alexandre Rangel)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

QUILOMBOS E REVOLTAS ESCRAVAS NO BRASIL

Como um arco íris

Difícil ser resiliente