O Caminho

"Então ensinarei aos transgressores os teus caminhos, e pecadores se converterão a ti" (Salmos 51:13).

Um incrédulo fazendeiro, proprietário de muitas terras, conversava um dia com um jovem, sem muita instrução, que trabalhava em um moinho próximo e que costumava pregar o Evangelho do Senhor nas redondezas. O fazendeiro criticou-o duramente, manifestando a opinião de que uma pessoa tão ignorante e iletrada não deveria ter a presunção de posar como um líder religioso. A conversa acontecia no escritório do nobre onde havia, pendurado na parede, um mapa de toda a vasta área de terras que possuía. O jovem, apontando para o mapa, disse: " Não é aquilo um mapa de todas as suas possessões?" "Sim, respondeu o nobre," "Eu suponho que o senhor consegue localizar ali todas as estradas e trilhas de suas terras." "Claro," respondeu o fazendeiro. "Eu as conheço perfeitamente." "Bem, disse o trabalhador, lembra-se do dia em que não conseguiu localizar a trilha pelo denso bosque e minha filha o guiou?" "Sim, lembro-me muito bem," e com amabilidade acrescentou: "ela me guiou direitinho para o lugar onde eu queria ir." Então falou o jovem: "O senhor conhece as estradas pelo mapa, mas minha pequena filha as conhece pela experiência em caminhar por elas. E eu ouso mostrar o caminho para o céu aos outros porque todos os dias eu ando nele."

De que adianta conhecer muitas passagens da Bíblia, saber achar ali os versículos para cada situação e necessidade se o ensino do Senhor não fizer parte de nossa vida diária?

Se queremos indicar o caminho da salvação aos nossos amigos, primeiramente precisamos receber a Cristo no coração. Jesus é o Caminho e apenas uma vida de íntima comunhão com Ele nos dará a ousadia de conduzir a outros."

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

QUILOMBOS E REVOLTAS ESCRAVAS NO BRASIL

Como um arco íris

Difícil ser resiliente